Conecte-se Conosco

Policial

Taxista mata a esposa e depois atira em si mesmo na residência do casal; neta estava no local

Crime aconteceu na manhã desta terça-feira (06), em Bela Vista (MS).

It News MS

Publicado

 em

Residência do casal, local do crime — Foto: Redes sociais

Um taxista de 53 anos matou a esposa de 49 e depois atirou em si mesmo, na manhã desta terça-feira (06), em Bela Vista, a 309 quilômetros de Campo Grande, na fronteira com o Paraguai. Tudo aconteceu na residência do casal, onde estava também a neta criança deles, que, a princípio, não teria visto o crime.

De acordo com informações do delegado Roberto Morgado Pires, o casal estava junto há 30 anos, mas vinha passando por problemas no relacionamento. No mês passado o taxista e a dona de casa se separaram, mas retomaram há poucos dias.

Na segunda-feira (05), a mulher quis novamente terminar o casamento e nesta manhã foi morta com três tiros no fundo de casa.

“Ela manifestou interesse em terminar e a situação do relacionamento piorou. A filha do casal passou na casa hoje de manhã, verificou que a situação estava normal e foi trabalhar. O filho passou depois, viu que estava normal e foi trabalhar. Mais tarde um pouco receberam a notícia de que o pai tinha matado a mãe e se suicidado”, fala o delegado.

A mulher foi atingida por dois tiros na cabeça e um no ombro. O homem se matou com tiro na cabeça. O casal foi encontrado morto nos fundos da casa. A suspeita é de que o taxista teria atraído a esposa para o local. O revólver calibre 38 usado no crime foi apreendido.

Como a jovem viu que a situação dos pais estava tranquila, deixou a filha dela com eles, como faz diariamente para ir trabalhar. A princípio a menina não teria visto os tiros porque estaria no interior do imóvel.

Clique para Comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Enquete

Facebook

Publicidade