Conecte-se Conosco

Cidades

Importação da Sputnik V para o MS será decidido pela Anvisa na segunda-feira

A vacina russa ainda não foi aprovada pela Agência

It News MS

Publicado

 em

Divulgação

Como já noticiado em nosso site, o Consórcio Brasil Central (BrC) está em negociação com o Fundo Soberano Russo para comprar 28 milhões de doses da vacina Sputnik V, contra a Covid-19. Junto de Mato Grosso do Sul, outros estados também fazem parte. São eles: Distrito Federal, Goiás, Mato Grosso, Tocantins, Maranhão e Rondônia. Cada estado pretende comprar 2 milhões de doses do imunizante.

Na próxima segunda-feira, a Anvisa decidirá sobre a importação da Sputnik V. Na última terça-feira (20), foi anunciada a assinatura do acordo com o Fundo Russo de Investimento Direto.

De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde, se for autorizado, as doses devem chegar ainda no primeiro semestre de 2021, garantindo vacinar 1 milhão de sul-mato-grossenses.

Porém, a vacina russa ainda não foi aprovada pela Anvisa. Ou seja, ela ainda não foi liberada para uso emergencial ou definitivo no Brasil.

O Ceará é outro estado que tem interessa na compra e já assinou termo de compra de 5,87 milhões de doses.

O STF (Supremo Tribunal Federal) deu até o dia 29 para a Agência decidir sobre o uso das vacinas. Caso a resposta não seja divulgada, o STF libera a importação ao estado cearense.

Clique para Comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Enquete

Facebook

Publicidade