Conecte-se Conosco

Coluna Neil Brasil

Helenita Brum – Talento para transformar boas ideias em negócios promissores

A Diretora do Grupo Valebrum investe em oportunidades inovando e fomentando o empreendedorismo com ousadia e identidade.

It News MS

Publicado

 em

Fotos: Kleber Pereira - NK Fotografia

O mercado já aprendeu a valorizar ideias, até as que parecem valer nada, já que com boa execução e metas elas podem vir a valer milhões. Você já se perguntou quanto vale uma boa ideia? A empresária Helenita Valcanaia Brum, 31, leia-se Grupo Valebrum, descobriu cedo a possibilidade de agregar valor a uma boa ideia e não para de ousar nos investimentos. Ela não poupa esforços pessoal e profissional para transformar uma oportunidade em um bom negócio. Mesmo sendo muito jovem já criou empresas em diferentes segmentos em Campo Grande MS e o seu banco de ideias continua trabalhando na velocidade dos tempos digitais.

A mais recente boa ideia materializada por Helenita é a criação do aplicativo Serviço AKI, uma proposta inovadora em Mato Grosso do Sul com o mote “Empreendedorismo para quem faz. Soluções para quem precisa”, que promete facilitar a vida das pessoas na solução de problemas cotidianos e movimentar o mercado garantindo trabalho e renda para milhares de profissionais liberais e autônomos, inserindo a prestação de serviços na Capital no século 21, onde a tecnologia é o canal e a rapidez e a eficiência são exigências. De 2020 pra cá, em plena crise sanitária e econômica, Helenita viabilizou a abertura do Serviço Aki e de outras duas empresas; a Mind7 Imóveis, em sociedade com o corretor Gabriel Marques de Novais, que atua em investimento, venda e locação de imóveis; e a Agência de Marketing RESE7 MKT, para a qual Paulo Zaccarias trouxe o seu know how no mercado e vai inovar com uma house de marketing próprio na imobiliária.

FAZENDO ACONTECER

Helenita é daquelas empresárias que gostam de propor algo novo ao mercado e fazer acontecer com persistência e dedicação aos projetos. Ela aposta em  conhecimento pra fundamentar as suas ideias, faz vários cursos ao mesmo tempo: estuda Marketing Digital desde 2012, fez cursos de Cerimonialista e Master Coaching, estuda Psicologia na Uniderp e se prepara para cursar Publicidade e Propaganda.

“Sou curiosa, gosto de estudar e conhecer o que proponho. Faço um pouco de tudo e 10 cursos ao mesmo tempo. Estou sempre me reinventando e ousando. As oportunidades vão aparecendo e é preciso identificá-las para gerar bons negócios”, diz Helenita.

Essa inquietude empresarial e afiado potencial criativo marca a sua trajetória. Ao longo da carreira abriu a

Celebrare, especializada em eventos corporativos, dela surgiu uma agência de viagens, depois o Loft Garden Eventos Corporativos, criou a Escola de Sucesso, com cursos de Autocoaching e entrou como sócia investidora da grife Dudalina em Campo Grande. Mas o tempo não para. O foco foi mudando, novas ideias surgindo e as empresas da qual fez parte, estão aí até hoje.

RESSIGNIFICANDO

Helenita teve filhos- Anita, 8, e Pedro, 6, e deu um tempo nos projetos pra cuidar da família. Em 2020, em plena pandemia, vivenciou uma das fases mais difíceis de sua vida. Enfrentou uma separação conjugal em 2019, sofreu um acidente de carro em 2020, teve síndrome de Burnout e uma depressão que a levou a repensar a vida para colocá-la nos eixos que sempre almejou.

“Tive de ressignificar tudo. É um processo doloroso, mas que me trouxe respostas esclarecedoras. Você pode escorregar, mas volta pro trilho. Na pandemia percebi que a gente parou pra viver, não pra morrer. Entendi que sou movida a projetos, a desafios, gosto de planejar e criar estratégias, de começar do zero e materializar projetos. Mergulhei na busca do equilíbrio e descobri que com disciplina você consegue ter tempo pra fazer tudo”, enfatiza Helenita.

O autoconhecimento fez com que criasse uma metodologia para a própria vida. Seu dia a dia é todo agendado com dia e hora certa para tudo, o cardápio da semana para família, inclui um quadro de incentivos para os filhos; e tem buscado a liberdade religiosa por meio da espiritualidade.

GRUPO VALEBRUM

Em sua escalada empresarial, Helenita Brum, teve como referência os seus pais-Solange Valcanaia Brum e Roneu Moreira Brum, e o irmão Nelson Valcanaia Brum, com quem sempre trabalhou acompanhando o crescimento do Grupo Valebrum e integra o Conselho da holding, onde é uma das Executivas com seu irmão Nelson. Um conglomerado de empresas com 300 colaboradores e 10 mil revendedores – O Boticário em Campo Grande, Corumbá, Aquidauana e Miranda; a marca Quem disse, Berenice?; e em 2021, assumiram a praça das Óticas Carol, em Goiânia e Curitiba. Desde criança ela acompanhou os pais abrindo lojas O Boticário, embrião do Grupo Valebrum, pelo interior de MS. Aos 16 anos queria ser atriz e foi para São Paulo fazer um curso de interpretação com Wolf Maia. Retornou para Campo Grande, atuou em vários setores do Grupo, e mais tarde, entrou no programa de sucessão da empresa. Trabalhou nos Recursos Humanos(RH), Tecnologia e Fluxograma e foi redesenhando a gestão, definindo o papel dos  colaboradores e inserindo a marca nos tempos digitais.

Durante esta missão no O Boticário, entrou de sócia na Genthe Consultoria, especializada em Recursos Humanos– RH, em sociedade com Vanessa Freitas, onde tem um papel estratégico, mas sua sócia fica à frente do negócio.

“A visão da minha família é otimista e empreendedora. Pra mim empreendedorismo é transformar talentos em oportunidades. O grupo Valebrum se tornou case nacional tanto em resultados como em gestão de pessoas”, destaca.

 

Matéria retirada da 59ª Edição da Revista AL.SO

Clique para Comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Enquete

Facebook

Publicidade