Conecte-se Conosco

Brasil

Escritor faz homenagem a Paulo Gustavo e viraliza na internet

Vale a pena a leitura

It News MS

Publicado

 em

Divulgação

Internado desde o dia 13 de março, ainda em estado crítico, segundo todos os boletins enviados pela assessoria, o humorista Paulo Gustavo é muito querido pela nação brasileira e pela sua família. E claro, pelo escritor Rafael Magalhães, dono do perfil @precisavaescrever no Instagram. Ontem (12), Rafa como gosta de ser chamado, escreveu um texto muito emocionante para o humorista. A mensagem atingiu mais de 170 mil curtidas e quase 5.000 comentários. Vale a pena a leitura.

“A gente nunca precisou tanto do Paulo Gustavo. O Brasil inteiro. O mundo inteiro, eu diria. É verdade que ele sempre foi muito necessário, mas não tanto quanto agora. Sim. A gente anda precisando muito dele. Do Paulo Gustavo e do seu poder de libertar os sorrisos. Do Paulo Gustavo e do seu talento nato para falar de coisas sérias com leveza. Para falar de coisas bobas com profundidade. A gente precisa do Paulo para esquecer dos problemas e pra lembrar deles também. Precisamos da sua genialidade, representatividade, generosidade e inteligência. Precisamos que ele nos faça rir do nosso cotidiano. Precisamos dele para nos lembrar o quanto a família é o bem mais precioso que existe. Nós agora precisamos do Paulo Gustavo, mas vamos precisar ainda mais daqui alguns meses. Vamos precisar dele quando os palcos estiverem mais uma vez iluminados. Quando as salas de cinema estiverem outra vez abertas. Quando os sorrisos receberem a carta de alforria das máscaras. Quando tivermos que juntar as cinzas do luto e recomeçar. Vamos precisar sim e muito! Mas, no momento, é ele quem precisa da gente. Do nosso pensamento positivo. O Paulo Gustavo precisa que cada sorriso que um dia ele causou se transforme em uma nova oração. Eu peço aos céus que ele e todas as pessoas acamadas possam receber essa chuva de bênçãos. Sopre nesses pulmões, ó Deus do impossível. Nós aqui precisamos de um milagre. Precisamos ter de volta o marido do Thales. O filho da Dea. O pai do Romeu e do Gael. O irmão da Jú. O parceiro da Mônica, da Susana, da Tátá… A inspiração e a referência minha e de qualquer pessoa que um dia sonhou em viver da própria arte no Brasil. É com lágrimas nos olhos que eu te peço. E com toda humildade do mundo. Por favor! A gente precisa do Paulo Gustavo aqui. Amém!”

Clique para Comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Enquete

Facebook

Publicidade