Conecte-se Conosco

Corumbá

Corumbá: Prosseguir confirma ações efetivas contra a Covid-19

Com base nas medidas adotadas em Corumbá o PROSSEGUIR permitiu a flexibilização das restrições no município

It News MS

Publicado

 em

Divulgação

Corumbá vai ter horário diferenciado no toque de recolher a partir da segunda-feira, 05 de abril. O município foi classificado na bandeira Laranja, pelo Programa PROSSEGUIR, do Governo do Estado, e encontra-se habilitado para flexibilizar as restrições ao comércio e à circulação de pessoas, que passa a ser proibida das 22h às 05 horas e não mais das 20h às 05h como vigora atualmente para todo o Estado.

A evolução de Corumbá nos indicadores do Programa de Saúde e Segurança na Economia (PROSSEGUIR) confirma a eficácia das medidas adotadas pela Prefeitura no enfrentamento à pandemia do covid-19 e o trabalho de monitoramento dos indicadores que é realizado pela nossa administração”, disse o prefeito Marcelo Iunes ao analisar o anúncio do Governo do Estado, feito ao final da manhã desta quarta-feira, 31 de março.

As ações foram elencadas pelo Executivo Municipal em Carta Aberta, assinada pelo prefeito Marcelo Iunes e vice-prefeito Dirceu Miguéis Pinto, encaminhada ao Governo do Estado no inicio desta semana.

Na Carta Aberta, Iunes pediu a reanálise das medidas mais restritivas impostas pelo Decreto Estadual nº 15.638, de 24 de março de 2021, para “evitar uma catástrofe socioeconômica ou ao menos mitigar seus efeitos, que já vem sendo experimentado nos segmentos econômicos de nosso Município, uma vez que estamos, associado a participação responsável dos segmentos empresariais, atendendo todas as medidas de biossegurança, exigidas pelo Município de Corumbá, nos mais variados decretos municipais até aqui editados”. Com base nas medidas adotadas em Corumbá o PROSSEGUIR permitiu a flexibilização das restrições no município.

Mesmo com a evolução para bandeira Laranja, o Município questiona a pontuação recebida em alguns indicadores avaliados. A nota recebida no quesito ‘busca ativa e monitoramento dos contatos dos casos confirmados de COVID-19’ é questionada, uma vez que o trabalho é realizado ininterruptamente pelas equipes da Secretaria Municipal de Saúde.

O prefeito Marcelo Iunes lembrou que na Carta Aberta ao Governo do Estado, ele pontou que a reanálise dos critérios e consequente retorno ao status anterior deveria ser garantido porque a Prefeitura de Corumbá promoveu as seguintes medidas:

a) Reestruturação da Santa Casa com readequação de setores exclusivos para pacientes covid-19, tais como a instalação e funcionamento de 17 (dezessete) leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), bem como de duas enfermarias com leitos clínicos, aquisição de diversos equipamentos, insumos, materiais e medicamentos, contratação de profissionais de saúde para essa nova demanda, e ainda a ampliação da capacidade de produção da usina de oxigênio instalada no hospital, bem como a instalação de um tanque com capacidade de 9.100 m³ de oxigênio líquido;

b) Publicação de decretos municipais buscando evitar a aglomeração de pessoas e consequente proliferação do coronavírus, com proibição de circulação de pessoas em praças públicas e na orla do Porto Geral;

c) Aplicação de vacinas de forma eficiente e atendendo o que preconiza o Ministério da Saúde, o qual definiu regras sobre aplicação e controle de estoque de vacinas contra Covid-19;

d) Participação de diversos órgãos municipais em apoio aos serviços de fiscalização do cumprimento dos decretos contendo as medidas restritivas, em especial aos serviços prestados pela Postura do Município, inclusive com a criação do Grupo de Fiscalização Integrada (GFI).

Clique para Comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Enquete

Facebook

Publicidade