Conecte-se Conosco

Campo Grande

A partir de segunda-feira, MS terá três toques de recolher e comércio aberto

Cada município terá horários diferentes, de acordo com a bandeira de classificação de risco para covid

It News MS

Publicado

 em

Divulgação

Anunciado há pouco pelo governador Reinaldo Azambuja, Mato Grosso do Sul terá 3 horários diferentes de toque de recolher a partir da próxima segunda-feira.

Os municípios com bandeiras laranja, o horário será mais flexível – das 22h às 5h. Para aqueles com bandeira vermelha, o horário será das 21h às 5h. Já os que estão mais críticos, com bandeira cinza, o horário será das 20h às 5h.

A capital, por exemplo, terá o horário flexibilizado, pois saiu do grau crítico (bandeira cinza) e passou para a bandeira vermelha. Por isso, a partir de segunda-feira (5), o toque de recolher será das 21h às 5h.

Segundo Reinaldo, a partir do dia 5, as atividades econômicas também estarão liberadas para reabrir as portas, seguindo as medidas de biossegurança já estabelecidas, como máximo de 50% na capacidade de ocupação dos prédios, uso de máscara e cuidado com distanciamento social. Já os eventos com mais de 50 pessoas continuam proibidos.

Mesmo assim, o governador fez questão de lembrar que só hoje são 57 mortes registradas no boletim epidemiológico e, com um semblante feliz, anunciou que “talvez, amanhã o estado receberá a maior remessa de vacinas já entregues até agora”.

De acordo com o Programa Prosseguir, somente hoje, quarta-feira, o município de Sidrolândia está com bandeira cinza, e outras 55 cidades, incluindo a capital, estão com bandeira vermelha; 25 em classificação laranja e apenas 2 em amarelo – Jaraguari e Rochedo.

Infelizmente não há nenhum município de Mato Grosso do Sul com grau “verde” de risco para covid.

Clique para Comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Enquete

Facebook

Publicidade